Skip to main content
m (Substituição de texto - "Ataíde" por "Ataíde Campos")
m (Campeonato Nacional)
 
Linha 176: Linha 176:
 
| style="background:#E1EFC2;" colspan="5"|'''Fase final – Campeonato Nacional
 
| style="background:#E1EFC2;" colspan="5"|'''Fase final – Campeonato Nacional
 
|-
 
|-
|29-04-1966||1ª jornada||SPORTING - [[Sporting Clube de Benguela]]||90 - 51||[[1966-04-29 SPORTING - Sporting Clube de Benguela (basquetebol)|Ficha]]
+
|30-04-1966||1ª jornada||SPORTING - [[Sporting Clube de Lourenço Marques]]||57 - 59||[[1966-04-30 SPORTING - Sporting Clube de Lourenço Marques (basquetebol)|Ficha]]
 
|-
 
|-
|30-04-1966||2ª jornada||SPORTING - [[Sporting Clube de Lourenço Marques]]||57 - 59||[[1966-04-30 SPORTING - Sporting Clube de Lourenço Marques (basquetebol)|Ficha]]
+
|01-05-1966||2ª jornada||SPORTING - Benfica||69 - 76||[[1966-05-01 SPORTING - Benfica (basquetebol)|Ficha]]
 
|-
 
|-
|01-05-1966||3ª jornada||SPORTING - Benfica||69 - 76||[[1966-05-01 SPORTING - Benfica (basquetebol)|Ficha]]
+
|02-05-1966||3ª jornada||SPORTING - [[Sporting Clube de Benguela]]||90 - 51||[[1966-05-02 SPORTING - Sporting Clube de Benguela (basquetebol)|Ficha]]
 
|-
 
|-
 
|}
 
|}

Edição atual desde as 19h45min de 26 de março de 2020

Época anterior:
Basquetebol 1964/65
Época seguinte:
Basquetebol 1966/67

Campeões de Lisboa pela 7ª vez

Basquetebol-Sporting-1965-66.jpg

O Basquetebol do Sporting continuou sob a orientação de Guilherme Bernardes. Por outro lado, Armando Fazenda substituiu Luís Gravata como capitão da secção. Continuando no puro amadorismo, a secção beneficiou de ofertas por parte de dezenas de sócios totalizando 2230$00 (escudos) para compra de material.

As escolas foram abertas a jogadores mais novos, a partir dos 10 anos. A razão foi a legislação relativa a desportos amadores introduzida na época anterior, em que os clubes que tinham futebol profissional só podiam inscrever nas modalidades amadoras atletas formados nas suas escolas, ou que tivessem mudado de residência vindos de pelo menos 40 km de distância. Ao contrário, os praticantes podiam deixar livremente os clubes onde foram formados para se juntarem a clubes sem futebol profissional. Isto colocou a necessidade de formar mais jogadores, precavendo já a eventual saída de uma parte significativa.

Zé Mário saiu para o Nacional da Natação, e Ernesto Ferreira da Silva fez apenas um jogo, o primeiro a contar para o Campeonato de Lisboa. Por outro lado, Carlos Hilário regressou de Angola, onde tinha feito o serviço militar. Edgar Vital juntou-se à 1ª categoria no fim do Campeonato Nacional.

A equipa alcançou finalmente a maturidade necessária para fazer valer o talento dos seus jogadores e do seu treinador, conquistou brilhantemente o Campeonato Regional de Lisboa, pela 7ª vez na história do Clube. O campeonato nem começou da melhor forma, com uma derrota frente ao maior vial na 2ª jornada, mas seguiram-se vitórias em todos os outros jogos. Em igualdade de pontos no fim da fase regular, foi necessário disputar uma finalíssima, em que o Sporting derrotou o Benfica de forma concludente, com classe e com elevada percentagem de encestamentos.

A zona Sul do Campeonato Nacional correu suficientemente bem para o Sporting ficar apurado para a fase seguinte com apenas duas derrotas, mas poderia ter corrido melhor não fora vários jogadores terem sido acometidos por gripe a meio do campeonato, isto numa época em que o plantel era compacto, com um núcleo pequeno de basquetebolistas a jogar regularmente na 1ª categoria. A fase final do Campeonato Metropolitano, entre os dois primeiros da zona Sul e os dois primeiros da zona Norte decorreu em Ílhavo em três dias, com o jogo da final a ser caracterizado por empurrões e agressões, com a complacência dos árbitros. Ganhou a equipa mais apta para a luta livre, com António Pratas a precisar de muletas e Carlos Hilário com uma concussão depois do jogo. O Sporting ficou mesmo assim apurado para a fase final do Campeonato Nacional, em que participavam também equipas das então colónias. Desta vez foram o Sporting Clube de Benguela e o Sporting Clube de Lourenço Marques a participar, com este último a arrebatar em campo o título máximo do basquetebol nacional, que foi depois alvo de protesto, pressurosamente atendido por dirigentes ligados ao clube que tinha perdido em campo, o Benfica. O SCLM ficou oficialmente sem o título, que não foi atribuído, mas a verdade é que os seus representantes pegaram na taça e levaram-na para Moçambique.

A Taça de Portugal teve uma configuração diferente, com uma primeira fase a servir de pré-eliminatória, seguida de uma fase regular de eliminatórias, e sendo a final disputada em Coimbra, sob protesto dos dois clubes finalistas, ambos de Lisboa, com duas vitórias necessárias para ganhar a Taça. Mais uma vez, o Sporting foi finalista vencido.

Não há notícia de ter havido 2ª categoria nesta época.

Tanto os juniores como os juvenis ganharam o respectivo Campeonato Regional, no primeiro caso pela 4ª vez consecutiva. Note-se que a categoria de infantis a meio da época passou a ser denominada "juvenis" no Jornal Sporting.

Resumo da Época
CN CM Taça de Portugal CL 1ª categoria
3º classificado 2º classificado 2º classificado Campeão

Legenda
CN=Campeonato Nacional; CM=Campeonato Metropolitano; CL=Campeonato Regional de Lisboa

Figuras

Plantel

Jogador Posição Obs. CN TP CL Total P
J P J P J P J P J P
Aires Henriques 12 160 2 18 6 27 20 205 2 0
Álvaro Naia 2ª categoria 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
António Encarnação Poste 5 18 218 6 74 14 219 38 511 3 52
António Guimarães 18 54 6 25 13 48 37 127 1 26
António Pratas 16 262 5 65 14 316 35 643 3 60
Aristides 13 47 2 10 9 26 24 83 4 3
Ataíde Campos 2ª categoria 0 0 0 0 0 0 0 0 1 0
Carlos Albuquerque Júnior 0 0 0 0 0 0 0 0 1 0
Carlos Hilário 12 ex-júnior 16 199 6 46 14 157 36 402 3 43
Edgar Vital Júnior 1 0 5 3 0 0 6 3 0 0
Ernesto Ferreira da Silva saiu depois de um jogo no CL 0 0 0 0 1 0 1 0 0 0
Francisco Ramos 2ª categoria 1 2 0 0 1 0 2 2 0 0
José Valente Capitão 18 206 6 63 14 243 38 512 3 60
Manuel Aleixo ex-júnior 2 0 1 0 14 29 17 29 0 0
Marinho dos Santos 17 61 6 8 14 39 37 108 3 14
Paulino Correia Júnior 0 0 0 0 0 0 0 0 1 0

Legenda
Na contabilidade faltam dois jogos do Campeonato Nacional e um do Campeonato de Lisboa. Há 10 pontos de jogador desconhecido.

Secção

Nome Posição Observações
Armando Fazenda Director
Guilherme Bernardes Treinador
Carlos Hilário Treinador das camadas juvenis
António Albuquerque Seccionista
Dr. Madeira da Silva Director de Pelouro Secretário-geral do Clube

Jogos

Campeonato Metropolitano

Data Jornada Jogo Resultado Ficha de jogo
1ª Fase – Zona Sul
08-01-1966 1ª jornada SPORTING - Nacional 65 - 41 Ficha
15-01-1966 2ª jornada CUF - SPORTING 33 - 35 Ficha
22-01-1966 3ª jornada Barreirense - SPORTING 45 - 50 Ficha
29-01-1966 4ª jornada SPORTING - Olhanense 84 - 38 Ficha
05-02-1966 5ª jornada Montijo - SPORTING 46 - 72 Ficha
12-02-1966 6ª jornada SPORTING - Benfica 57 - 60 Ficha
19-02-1966 7ª jornada Belenenses - SPORTING 54 - 69 Ficha
26-02-1966 8ª jornada Nacional - SPORTING 37 - 83 Ficha
05-03-1966 9ª jornada SPORTING - CUF 64 - 45 Ficha
12-03-1966 10ª jornada SPORTING - Barreirense 95 - 52 Ficha
19-03-1966 11ª jornada Olhanense - SPORTING 39 - 34 Ficha
26-03-1966 12ª jornada SPORTING - Montijo 102 - 30 Ficha
02-04-1966 13ª jornada Benfica - SPORTING 63 - 52 Ficha
08-04-1966 14ª jornada SPORTING - Belenenses 68 - 36 Ficha


Class. Clube Jogos Vitórias Derrotas Cestos Pontos
Benfica 13 12 1 857-749 25
SPORTING 13 11 2 878-556 24
Belenenses 13 6 7 688-781 19


Data Jornada Jogo Resultado Ficha de jogo
Fase final
16-04-1966 1ª jornada SPORTING - Porto 67 - 53 Ficha
17-04-1966 2ª jornada SPORTING - Académica 68 - 57 Ficha
18-04-1966 3ª jornada SPORTING - Benfica 43 - 60 Ficha

Campeonato Nacional

Data Jornada Jogo Resultado Ficha de jogo
Fase final – Campeonato Nacional
30-04-1966 1ª jornada SPORTING - Sporting Clube de Lourenço Marques 57 - 59 Ficha
01-05-1966 2ª jornada SPORTING - Benfica 69 - 76 Ficha
02-05-1966 3ª jornada SPORTING - Sporting Clube de Benguela 90 - 51 Ficha

Legenda
V=Vitória

Taça de Portugal

Data Jornada Jogo Resultado Ficha de jogo
1ª Fase
19-05-1966 Eliminatória SPORTING - Belenenses 65 - 31 Ficha
2ª Fase
27-05-1966 1ª eliminatória SPORTING – Montijo V – FC
03-06-1966 2ª eliminatória Porto - SPORTING 53 - 60 Ficha
??-06-1966 3ª eliminatória Naval 1º de Maio - SPORTING 35 - 62 Ficha
11-06-1966 4ª eliminatória Vasco da Gama - SPORTING 33 - 44 Ficha
25-06-1966 Final SPORTING - Benfica 44 - 59 Ficha
26-06-1966 Final SPORTING - Benfica 37 - 44 Ficha

Legenda
V=Vitória; FC=Falta de comparência

Campeonato de Lisboa

Data Jornada Jogo Resultado Ficha de jogo
01-10-1965 1ª jornada Belenenses - SPORTING 32 - 56 Ficha
08-10-1965 2ª jornada SPORTING - Benfica 45 - 72 Ficha
15-10-1965 3ª jornada Sacavenense - SPORTING 26 - 91 Ficha
22-10-1965 4ª jornada SPORTING - Algés 73 - 37 Ficha
29-10-1965 5ª jornada Nacional - SPORTING 41 - 67 Ficha
05-11-1965 6ª jornada SPORTING - Oriental 93 - 41 Ficha
12-11-1965 7ª jornada CDUL - SPORTING 45 - 90 Ficha
20-11-1965 8ª jornada SPORTING - Belenenses 78 - 38 Ficha
27-11-1965 9ª jornada Benfica - SPORTING 68 - 74 Ficha
04-12-1965 10ª jornada SPORTING - Sacavenense 103 - 48 Ficha
11-12-1965 11ª jornada Algés - SPORTING 30 - 89 Ficha
18-12-1965 12ª jornada SPORTING - Nacional 80 - 21 Ficha
27-12-1965 13ª jornada Oriental - SPORTING 49 - 81 Ficha
30-12-1965 14ª jornada SPORTING - CDUL 82 - 30 Ficha
05-01-1966 Finalíssima SPORTING - Benfica 84 - 62 Ficha


Class. Clube Jogos Vitórias Derrotas Cestos Pontos
SPORTING 14 13 1 1102-578 27
Benfica 14 13 1 1011-620 27
Nacional 14 8 6 713-718 22

Legenda
No fim da fase regular

Particulares

Data Jornada Jogo Resultado Ficha de jogo
12-01-1966 Torneio Quadrangular Internacional SPORTING - Barreirense 93 - 41 Ficha
13-01-1966 Torneio Quadrangular Internacional SPORTING - Corinthians 69 - 98 Ficha
20-03-1966 Amigável GD Casa dos Pescadores - SPORTING 51 - 96 Ficha

Links